O impossível "panóptico tropical-escravista": práticas prisionais, política e sociedade no Brasil do século XIX

Download da Publicação

O artigo toma como ponto de partida as características das práticas prisionais no Brasil do século XIX para sustentar a fecundidade de uma perspectiva de análise que combine temas e argumentos do trabalho de Michel Foucault com os estudos que trataram a formação de nossa sociedade de uma perspectiva histórico-estrutural.